March 15, 2019

December 17, 2018

Please reload

Posts Recentes

Red Bull Trike Strike 2017 apresenta prova desafiadora e muita diversão para os participantes

October 31, 2017

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

Eixo do trike, versão maciça: mais performance

March 15, 2019

A Swizee tem se dedicado, há anos, em desenvolver inovações incrementais para o Drift Trike, assim como em promover o esporte no Brasil e no Exterior. Neste ano, juntamente com outras inovações, a marca anuncia ao mercado seu novo Eixo Maciço para Drift Trike com a promessa de que o componente vai contribuir para um melhor desempenho dos pilotos nas ladeiras, mas muitos se perguntam se o eixo tem importância a ponto de trazer essa melhoria. Você tem a mesma dúvida?

Para um leigo, inovação no eixo do trike parece não causar muito impacto no desempenho do equipamento. Tradicionalmente, a montagem de um drift trike partia dos itens de uma bicicleta BMX. Dela se aproveitava o garfo, o guidão e a roda dianteira. O quadro da BMX era serrado, arranjava-se pneus de kart e pronto? Quase. Faltaria apenas um eixo para estes pneus traseiros. Os mecânicos então soldavam um tubo em ponteiras de ferro, montavam os rolamentos, pneus, revestimento e finalizavam o trike. Que vantagem um eixo inovador pode trazer para o drift trike? Se quer mesmo saber, é só continuar lendo.

Eixo do trike maciço garante alinhamento 100%

O quadro soldado, segundo o piloto Lucas Touro, da equipe Animal, dependendo da qualidade do cano pode deformar. “A dirigibilidade de um trike com o eixo empenado é totalmente diferente de um eixo 100% alinhado”, afirma. O piloto já fez o teste com o novo eixo maciço da Swizee e explica essa inovação: “O novo eixo da Swizee foi feito com um material reforçado, sem soldas, o que garante alinhamento perfeito e isso significa uma traseira mais forte, curva com menos tração, menos desgaste das rodas, pneus e demais componentes do trike”, explica o piloto que tem se destacado nos campeonatos.

Você pegaria a estrada com seu carro desalinhado?

Foi com esse exemplo que o piloto mostrou porque o exclusivo eixo maciço da Swizee, além de deixar o trike mais ágil nas curvas, é considerado muito seguro. “O que vai acontecer se o seu automóvel estiver desalinhado? Fica mais difícil de dirigir e desgasta o pneu mais rápido. Você não dirige com segurança e se der de cara com uma curva fechada, dá aquele medo. Com o trike é a mesma coisa. Usando o novo eixo maciço da Swizee é muito improvável que a estrutura empene. O desgaste do pneu cai pela metade e a galera pode deslizar tranquilamente, com certeza”, reforça Lucas Touro.

Eixo maciço é mais pesado?

Está comprovado que o alinhamento é fundamental para garantir a pegada na pista, mas e a leveza? É tão importante quanto. Enquanto um eixo tradicional pesa cerca de 3,15Kg, ao contrário do que possa parecer, esse novo eixo maciço da Swizee pesa apenas 2,65Kg, ou seja 500g a menos que o eixo tradicional. Quem já sentiu esse benefício de tornar o carro mais leve é o piloto Lucas Ribeiro, o Lukinha, que já foi campeão brasileiro de trike “esse eixo maciço da Swizee é o mais leve do mercado atualmente. Ele deixa a traseira mais leve, o que deixa a saída da curva muito mais rápida porque o trike não desliza demais”, crava Lukinha.

São mudanças sutis, mas com muito resultado para mostrar. Afinal, o que faz o piloto e a prova são os detalhes e a precisão de engenharia do eixo maciço da Swizee pode ser aquela vantagem competitiva para te fazer subir mais um degrau no pódio.

   

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
0